TCE-MS qualifica auditores e amplia atuação na área da Educação | Diario CG
  • segunda, 25 de março de 2019
  • |
  • 11:09
Servidores investem em conhecimento Reprodução

TCE-MS qualifica auditores e amplia atuação na área da Educação

14/12/2018

Que todo brasileiro sabe dos desvios nas verbas da Educação no país, isso não é novidade. Mas em Mato Grosso do Sul, uma turma de servidores investe em conhecimento para ampliar a atuação do órgão fiscalizador.


O ciclo de capacitação direcionado aos técnicos e auditores estaduais de controle externo que compõem as divisões temáticas do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso do Sul fecha o ano de 2018 com um seminário destinado à equipe da nova divisão do TCE-MS especializada em fiscalização da Educação. Foram dois dias de orientação específica que trouxe como tema, “TCU e TCE-MS no Fortalecimento do Controle Externo Especializado em Educação”, contou com a instrução de técnicos do Tribunal de Contas da União (TCU), como o Secretário de Controle Externo, Dr. Ismar Barbosa Cruz.


Para o instrutor, a iniciativa do TCE-MS em promover uma reestruturação organizacional que adeque as antigas inspetorias para divisões de trabalho temáticas é uma decisão acertada e uma tendência dos demais órgãos de controle do mundo. “Dessa forma, o Tribunal de Contas do Mato Grosso do Sul se alinha aos melhores padrões no sentido de permitir que seu corpo técnico tenha mais conhecimento daquilo vai auditar”, declarou Ismar Barbosa.  


O Secretário de Controle Externo do TCU destacou que a criação de grupos específicos de auditoria irá permitir que os auditores, conheçam mais profundamente os principais conceitos e problemas que envolvem a política pública. “Para nós que somos profissionais de auditoria devemos por obrigação conhecer o objeto a ser auditado e fazer isso em todas as áreas ficava muito difícil, daí a importância dessas divisões específicas para que o profissional realize seu trabalho com mais efetividade proporcionando que o controle externo produza o dado que se quer, no caso aqui, melhorar a educação do País”, revelou.  


De acordo com a apresentação feita por Dr. Ismar, a Educação é a área que estrutura todas as demais que serão auditadas. “Ela que dará condições ao País de sair dessa crise econômica, financeira, ética e moral; A Educação é a base, o alicerce para todas as demais políticas, e, investir em Educação como política pública é uma obrigação do Estado brasileiro, visto que todos os países desenvolvidos em algum momento da história tomaram essa decisão, e o Brasil precisa fazer isso também, por isso a importância dessa reestruturação do TCE-MS, pois fará com que o controle externo esteja preparado para essas mudanças”.


O seminário que teve lugar na Escola Superior de Controle Externo do TCE-MS, contou, também, com a instrução do Diretor da 1ª Diretoria de Fiscalização e Projetos da Secretária de Controle Externo da Educação do TCU, André Geraldo Carneiro de Oliveira e do Coordenador do Núcleo de Análise de Dados e de Tratamento de Informações da Secex-Educação, Tiago Marafante Lins de Souza.



COMPARTILHE PARA SEUS AMIGOS:

Ministério da Saúde - Vacina

VÍDEO EM DESTAQUE

PUBLICIDADE

TEMPO

COTAÇÕES

IMAGENS DA SEMANA

MAIS LIDAS DA SEMANA

    Sem matéria cadastradas como mais lidas!