Lei estadual regulamenta Serviços Clínicos Farmacêuticos no MS

População e profissionais farmacêuticos ganham com aprovação da lei do deputado Siufi.

Por Redação 19/04/2018 - 13:21 hs
Foto: Reprodução
Lei estadual regulamenta Serviços Clínicos Farmacêuticos no MS
Deputado Paulo Siufi é autor da maioria das leis do setor farmacêutico

Os Serviços Clínicos Farmacêuticos serão regulamentados no Estado de Mato Grosso do Sul. Isso porque foi publicada no Diário Oficial do Estado, a Lei nº 5.183/18, de autoria do Deputado Dr. Paulo Siufi, que estabelece diretrizes para a regulamentação.

O farmacêutico especializado em farmácia clínica poderá orientar o cliente com relação ao receituário prescrito sem alterar a prescrição médica, com objetivo de adequar as farmácias clínicas dentro das farmácias do Estado.

Conforme explicou o deputado Dr. Paulo Siufi, esse profissional irá fazer o acompanhamento, conciliação e revisão farmacoterapêutica. "Quando o paciente chega com a receita médica, o farmacêutico clínico especializado vai informar se o remédio pode causar algum efeito colateral, se pode ser administrado junto a outros que o paciente já esteja fazendo uso", apontou.

Farmácia clínica é a área da farmácia voltada à ciência e à prática do uso racional de medicamentos, na qual os farmacêuticos prestam cuidado ao paciente.

O projeto de lei não autoriza o farmacêutico a trocar os medicamentos prescritos. "Deixei isso bem claro no projeto. Ele é mais uma forma de comunicar a população sobre o que ela deve ou não fazer. Isso não vai entrar em colisão com a classe médica. Temos hoje dentro da saúde uma equipe multidisciplinar, formada também por psicólogos, fonoaudiólogos, nutricionistas, farmacêuticos e outros profissionais", lembrou o deputado.

Empreendedorismo

Com essa atividade, os profissionais farmacêuticos devem atuar de forma mais empreendedora e atenção com a população. A liderança no setor de saúde já é uma realidade no setor e os serviços formalizam uma atuação que só tem a crescer, tanto no Mato Grosso do Sul quanto no país.