Listamos 4 motivos para dizer sim ao happy hour

Chega o fim do expediente e, para compensar um dia estressante no escritório, seus colegas de trabalho decidem convocar um happy hour. Vale a pena aderir?

Por Redação 20/06/2017 - 13:04 hs
Foto: Reprodução
Listamos 4 motivos para dizer sim ao happy hour
Encontro faz bem após o trabalho

Chega o fim do expediente e, para compensar um dia estressante no escritório, seus colegas de trabalho decidem convocar um happy hour. Vale a pena aderir? Para muitas pessoas, o tradicional encontro depois do trabalho parece perda de tempo. Não é. Pelo menos é o que sugere Carlos Felicissimo, diretor geral da consultoria 4hunter.

Segundo ele, o happy hour tem valor porque anda difícil construir relações profundas com outras pessoas na maioria dos ambientes de trabalho, sobretudo os que exigem um comportamento mais formal. “O mundo corporativo anda muito verticalizado, então há pouco espaço para conhecer os colegas na rotina”, diz ele.

Embora não seja a única forma de fazer isso, o happy hour pode ser uma ótima oportunidade para praticar networking, melhorar suas relações com a equipe e, de quebra, respirar um pouco.

Ainda está em dúvida se deve participar? Veja, a seguir, quatro pontos para ter em mente quando chegar o próximo convite:

1. Você pode descobrir fatos surpreendentes sobre seus colegas

Segundo Carlos Felicissimo, o clima informal do happy hour permite conhecer mais intimamente as pessoas. “Muitas vezes surgem conversas que revelam coincidências e afinidades inesperadas”, afirma. 

Você pode descobrir, por exemplo, que você e o seu colega moraram na mesma cidadezinha na adolescência, ou que vocês gostam das mesmas séries de TV. “Perceber o que vocês têm em comum ajuda a criar laços genuínos”, diz o especialista.

2. De volta ao escritório, o trabalho renderá mais

As amizades criadas na mesa do bar terão reflexos positivos sobre o dia a dia profissional. Isso porque, segundo Felicissimo, colegas que se conhecem além do escritório tendem a estabelecer uma parceria mais sólida no escritório.

A confiança e a cumplicidade facilitam negociações e criam um clima geral de colaboração. “A verdade é que as relações pessoais é que mandam no mundo”, diz ele.

3. A ocasião é perfeita para fazer networking

Além de aprofundar sua relação com seus colegas diretos, o happy hour também permite que você amplie seus contatos de forma geral, incluindo pessoas de outros departamentos ou até empresas. 

Como qualquer outro encontro casual, o happy hour estabelece vínculos subjetivos que podem beneficiar a sua carreira a longo prazo.

4. É preciso relaxar

Esfriar a cabeça de vez em quando é essencial para ter mais produtividade, melhorar os relacionamentos profissionais – e até sair ganhando em qualidade de vida.

Os momentos para aliviar o estresse, entretanto, não precisam ser restritos à mesa de bar. “Os profissionais precisam de pequenos happy hours diários, uma pausa para sair ao ar livre, contar uma história engraçada, tomar um café”, diz Carlos Felicissimo. “Essas descontrações não podem acontecer só na sexta-feira à noite”.